O Encontro Nacional de Veículos Elétricos 2021, que se realizou no passado fim de semana, nos dias 5 e 6 de junho, na Figueira da Foz, bateu todos os recordes: de visitantes, de participantes e de expositores, espelhando, deste modo, o interesse que a mobilidade elétrica está a suscitar, cada vez mais.

Num balanço preliminar feito ao Watts On escassas horas após o encerrar do ENVE 2021, Henrique Sánchez, presidente da UVE – Associação de Utilizadores de Veículos Elétricos, entidade organizadora, estimava (com base em indicações fornecidas por elementos da autarquia) que possam ter estado 15 mil pessoas nos dois dias do evento.

Sabia que…
a UVE – Associação de Utilizadores de Veículos Elétricos, entidade organizadora do ENVE, ultrapassou os 700 associados, fruto das novas adesões no fim de semana, na Figueira da Foz?

No Parque das Gaivotas, na Figueira da Foz, foram, aliás, vários os recordes alcançados.

Além do número de expositores (63 “stands” e 29 marcas presentes), o número de viaturas que entraram no recinto (entre veículos de exposição, de “test drive” e de participantes) foi de cerca de 600, cifra que representa um crescimento de 60% face ao ENVE de 2020, realizado em Belém, Lisboa, e que constituía – até agora – o atual máximo.

Félix da Costa em grande

Tal como aqui projetámos, o momento alto do ENVE foi mesmo a presença de António Félix da Costa (piloto português campeão em título da Fórmula E pela equipa DS Techeetah), Mark Preston (Team Principal DS Techeetah) e o monolugar de Félix da Costa, o DS E-Tense.

Muitas pessoas ocorreram ao ENVE interessadas em ver de perto as estrelas da Fórmula E e em escutar as palavras dos homens da DS Techeetah presentes na tertúlia que foi organizada no domingo, dia 6.

Ao volante do DS E-Tense, Félix da Costa ajudou também a que se estabelecesse um recorde em termos do número de viaturas elétricas que integraram o desfile de encerramento do ENVE pelas ruas da Figueira da Foz com cerca de uma centena de veículos.

Turismo agradeceu

O evento superou todas as expectativas e motivou elogios de todos os quadrantes, desde utilizadores de veículos elétricos, a empresas presentes, passando pelo município e pelo próprio turismo, já que com a ajuda da iniciativa dois hotéis ficaram lotados – só a UVE reuniu 100 voluntários que, por amor à causa, ajudaram a erguer o evento.

Utilizadores conheceram opções disponíveis

O ENVE 2021 foi ainda uma oportunidade única para inúmeros consumidores verem “in loco” e guiarem viaturas elétricas (ou híbridas Plug-in) e assinalarem eventuais intenções de compra posterior.

Henrique Sánchez congratula-se, aliás, com o contacto com veículos elétricos que o ENVE proporcionou aos visitantes: “Muitas pessoas não tinham ideia da quantidade e da variedade de marcas e modelos elétricos que já há no mercado. E os visitantes puderam perceber, de facto, que as propostas de mobilidade elétrica existem nos mais distintos segmentos, desde ligeiros de passageiros, a viaturas comerciais, a motociclos, a ciclomotores, a bicicletas ou mesmo pranchas de surf!”.

Fasquia elevada para o próximo ano

Consciente do nível elevado que o ENVE alcançou nesta 9ª edição, até por ter trazido o campeão do mundo de Fórmula E ao evento, Henrique Sánchez afirmou, de uma forma bem-disposta, que “a única hipótese de ultrapassarmos a fasquia deste ano é, no próximo ano, termos um bicampeão do mundo de Fórmula E novamente connosco!”.

As palavras deixaram Félix da Costa a sorrir e a agradecer a energia positiva para o que resta da temporada de Fórmula E de 2021.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of