O conceito da Internet of Things (IoT) pressupõe conectividade e inteligência entre os mais variados objetos. Falar de IoT é falar de dispositivos com capacidade de dialogarem entre si, através da internet, e as modernas televisões são dos equipamentos, a seguir aos smartphones, mais Smart e mais preparados de fábrica para esta nova era de IoT sem que, provavelmente, os seus utilizadores (no fundo, todos nós) pensem muito nisso.

A mais recente geração do software das Smart TVs da LG dá, nesse domínio, um passo em frente pelas funcionalidades disponibilizadas.

Novos comandos de voz

O webOS 6.0, lançado nas Smart TVs de 2021 da LG – OLED, QNED Mini LED, NanoCell e UHD – suporta novos comandos de voz para o Google Assistant e para a Amazon Alexa, fazendo com que a gestão de TV e a pesquisa de serviços de streaming, internet e canais de TV sejam mais fáceis.

Smart

Acesso Smart a Apps

O ecrã inicial foi redesenhado para uma melhor utilização e para responder às necessidades de mudança de hábitos de consumo de conteúdo por parte dos utilizadores.

Assim, o novo ecrã inicial fornece um acesso mais rápido às apps mais utilizadas e agiliza a descoberta de conteúdo com recomendações baseadas nas preferências do utilizador e no histórico de visualização.

Exibido no ecrã inteiro, o novo menu Home atua como um hub central contendo as configurações e o ecossistema do webOS.

Comando com reconhecimento de voz

Por sua vez, também o Magic Remote (o comando físico da televisão) oferece um esquema de botões e comandos mais simples, combinando o reconhecimento de voz com ofertas multi-IA da LG, como o LG ThinQ, a Amazon Alexa ou o Google Assistant.

O novo Magic Remote oferece recursos mais user-friendly, incluindo ligações mais rápidas entre a TV e outros dispositivos e teclas de atalho para aceder a plataformas de conteúdos populares, como Netflix, Amazon Prime Video e Disney+.

A Magic Tap, a função NFC one-touch do Magic Remote, dá acesso instantâneo a uma série de possibilidades de visualização.

Partilha de conteúdos com smartphone

Com um simples toque num smartphone que permita NFC (Near Field Communication ou Comunicação de Campo Próximo), os utilizadores podem partilhar conteúdo dos seus telefones com a TV e vice-versa, podendo assim visualizar o conteúdo armazenado nos seus telemóveis nas suas TVs LG em simultâneo com a utilização das apps e recursos favoritos do smartphone.

Tirando partido do que de mais recente existe em tecnologia de IA, dos controlos de voz e do Magic Remote, tudo o que os utilizadores precisam de fazer para obter as informações de que necessitam é falar.

Mais conteúdo informativo relacionado

O Magic Explorer, uma versão otimizado do Magic Link da LG, oferece conteúdo informativo relacionado com o que está a ser exibido no ecrã para que os espectadores possam aprender mais sobre os atores, locais e outros dados interessantes sobre os filmes e programas a que estão a assistir.

Elemento integral do ecossistema de home entertainment da LG, o WebOS adiciona ao design intuitivo da interface a oferta de um conjunto de recursos, como a pesquisa e o controlo de voz, algoritmos de IA integrados e conectividade.

Este recurso também garante uma experiência mais fácil e user-friendly de produtos de canais de transmissão selecionados e de serviços LG TV, incluindo Live TV, Gallery, Settings e TV Guide, alterando a cor do cursor sempre que o Magic Explorer tiver informações para partilhar.

Além disso, o novo recurso Next Picks analisa as preferências dos espetadores para recomendar mais conteúdo adequado aos seus gostos.

Utilizando dados do histórico de visualização, o Next Picks sugere dois programas ao vivo da grelha de programação ou de outras ofertas, assim como um programa (Video On Demand) ou uma app que os utilizadores possam apreciar, economizando tempo e poupando o aborrecimento que pode ser encontrar algo para ver a seguir.

“A versão mais recente da nossa plataforma de TV user-friendly, webOS 6.0, representa a atualização mais significativa desde que introduzimos o webOS em 2014”, afirma Park Hyoung-sei, presidente da LG Home Entertainment Company. “Com a nova edição do webOS, a LG demonstra o seu compromisso em oferecer serviços, produtos e tecnologias que respondem às necessidades e desejos dos nossos valiosos clientes”.

OPTO SIC chega às Smart TVs LG

A plataforma de streaming da SIC (a OPTO SIC) passou agora a estar disponível no WebOS, o ecossistema de TV da LG.

No primeiro mês, a OPTO estará disponível automaticamente e em destaque no ecrã inicial da plataforma WebOs das Smart TVs da LG.

A OPTO tem vários conteúdos exclusivos como as séries “Prisão Domiciliária”, “A Generala”, “O Clube”, “Esperança”; conteúdos exclusivos de “Princípio, Meio e Fim”, de Bruno Nogueira; sketches originais Ricardo Araújo Pereira no “Espaço Agora Para”; “Mercado Negro”, “5 +”, Jornais OPTO, entre outros. A OPTO tem ainda um catálogo contendo mais de 4000 horas de conteúdos, falados em português e produzidos em Portugal, entre centenas de séries, documentários, novelas, sketches e outros formatos, sempre com a chancela da SIC.

“A plataforma WebOS da nossas Smart TVs é uma das formas mais fáceis e convenientes de aceder a um grande conjunto de conteúdos multimédia e estamos muito confiantes de que os consumidores portugueses vão ficar muito satisfeitos por poderem aceder à OPTO. Agora, os utilizadores de Smart TVs LG do país poderão desfrutar da seleção de conteúdos de excelência da plataforma de streaming da SIC com uma experiência de utilização simples e intuitiva e a melhor qualidade de imagem do mercado”, afirma Hugo Jorge, Marketing Director da LG Portugal.

“As televisões continuam desempenhar um papel central no consumo e na partilha de conteúdos e experiências das famílias portuguesas nas suas casas. Com o lançamento da OPTO nas televisões LG, a SIC dá mais um passo em alargar o número de clientes que podem, através das suas televisões, ter a melhor experiência de visualização dos conteúdos exclusivos que disponibilizamos e aceder às principais funcionalidades da OPTO como, por exemplo, ver os episódios das novelas da SIC em antestreia”, sublinha Luís Fonseca, Diretor de Distribuição, Venda de Conteúdos e Novas Fontes de Receita da Impresa.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of