O Campeonato do Mundo de Fórmula E arranca este fim de semana, com uma jornada dupla disputada na sexta-feira e no sábado, em Diriyah, na Arábia Saudita.

Esta jornada dupla em Diriyah será, de resto, a primeira com corridas noturnas na história da competição.

O português António Félix da Costa irá defender o título conquistado na última temporada, sendo o “alvo a abater”.

Neste momento, devido à pandemia apenas são conhecidas, por enquanto, as primeiras oito corridas em seis palcos (duas corridas são duplas), pelo que o calendário ainda poderá sofrer ajustes.

Calendário

26 e 27 de fevereiro: Diriyah, Arábia Saudita
10 abril: Roma, Itália *
24 abril: Valência, Espanha *
8 maio: Mónaco, Mónaco *
22 maio: Marraquexe, Marrocos
5 e 6 de junho: Santiago, Chile

* Sujeito a homologação do circuito

Nesse contexto, passamos em revista as equipas e os pilotos que vão integrar o pelotão da Fórmula E na nova época, a 7ª desta modalidade eletrizante.

Fórmula E

Doze equipas, 24 pilotos a tentarem o título mundial. Por ordem alfabética das equipas estes são os pretendentes ao trono de Félix da Costa:

Fórmula EFórmula EFórmula EFórmula EFórmula EFórmula EFórmula EFórmula E

Em vésperas do arranque da nova época, Félix da Costa mostra-se desejoso do regresso às pistas: “Finalmente chegou a hora de voltar a correr. Foi em agosto que me sagrei campeão da Fórmula E, mas a verdade é que a vontade de voltar é muita. Trabalhámos intensamente durante todos estes meses para chegar a esta primeira prova bem preparados e julgo que fizemos bem o nosso trabalho de casa. Apesar de ainda não trazermos o carro novo este fim-de-semana, por razões de garantia de fiabilidade, sabemos que o carro de 2020 é rápido, eficiente na gestão de energia e permite-nos estar confiantes, mesmo sabendo que algumas equipas trazem já para esta primeira prova o novo carro. Já venci há dois anos aqui em Riade e vou entrar em pista com a vontade e determinação de sempre em lutar pelos pódios e vitórias, sabendo bem que a tarefa não é fácil, com muitas equipas e pilotos capazes de lutarem connosco. Sou o atual campeão e sei que sou o alvo a abater mas isso dá-me ainda mais motivação!”

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of