A Fundação Calouste Gulbenkian desenvolveu várias sugestões de atividades relacionadas com as aprendizagens essenciais do 1º ciclo do ensino básico.

Apesar das aulas presenciais continuarem suspensas por causa da pandemia, este material mantém a sua validade e pode servir de orientação e sugestão de atividades para quando as crianças puderem regressar, em segurança, às escolas.

Assim, esta proposta está inserida no recurso educativo “Aula no Jardim… na escola” e tem o apoio da Direção-Geral da Educação.

Ao todo são cinco episódios com tutoriais disponíveis na página da Gulbenkian.

[Clique na imagem para aceder aos episódios]

Propostas para depois do confiunamento

O confinamento impõe que fiquemos em casa. De resto, a própria Fundação Gulbenkian encerrou todas as suas instalações do Edifício Sede e Jardim Gulbenkian durante este novo período de confinamento decretado pelo Governo.

Todavia, deixamos esta sugestão a pensar na esperança do regresso, pois as propostas construídas pela Gulbenkian têm o objetivo de serem postas em prática num espaço exterior: um jardim, um parque, um quintal ou o pátio da escola.

Esta proposta tem por base a oficina com o mesmo nome que tem estado disponível para escolas na programação do Serviço Educativo do Jardim Gulbenkian.

Em que consiste?

Num contexto de ar livre, leva-se o português, a matemática e o estudo do meio ao encontro da educação artística.

“A natureza e os seus elementos tornam-se ferramenta, laboratório e campo de descoberta para a aquisição de conhecimentos, despertando os sentidos, a curiosidade e a vontade de aprender”, refere a Fundação.

“Nesta versão self-service, propõem-se várias atividades relacionadas com as aprendizagens essenciais do 1º ciclo, que, além de explicadas e demonstradas através de videotutorias, são complementadas com enunciados para o professor ou adulto acompanhante, disponibilizados junto de cada vídeo”, refere a Gulbenkian.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of