A Porsche anunciou que o elétrico Taycan entrou no Guinness World Records pelo mais longo drift com um veículo BEV (Battery Electric Vehicles).

O cenário do recorde mundial foi o Porsche Experience Centre (PEC) Hockenheimring.
O instrutor da Porsche, Dennis Retera, completou 210 voltas num círculo de drift com 200 metros de comprimento sem que as rodas dianteiras tenham estado apontadas na mesma direção da curva: depois de 55 minutos a andar de lado, Dennis Retera tinha percorrido um total de 42.171 quilómetros.

Ao completar esta distância, Retera assegurou o recorde do mundo para o mais longo drift contínuo num automóvel elétrico. A velocidade média foi de 46 km/h. O recorde foi alcançado com a versão de tração traseira do Taycan, já à venda na China.

“Quando os programas de controlo de estabilidade estão desligados, é extremamente fácil conseguir um powerslide com o Porsche elétrico, especialmente com esta versão, na qual a potência é enviada exclusivamente para das rodas traseiras,” explica Dennis Retera.

“A potência suficiente está sempre disponível. O baixo centro de gravidade e longa distância entre eixos asseguram estabilidade. O design preciso do chassis e da direção permitem um controlo perfeito em todos os momentos, mesmo quando esta-mos a andar de lado”, refere Retera.

O holandês Dennis Retera é atualmente Chief Instructor no Porsche Experience Centre Hockenheimring, mas competiu anteriormente em karting, monolugares e provas de resistência.

Dennis Retera refere que “foi cansativo manter a concentração a níveis elevados durante 210 voltas, especialmente porque o asfalto irrigado do circuito de drift não oferece a mesma aderência em todo o lado. Concentrei-me em controlar o drift com a direção – isto é mais eficiente do que utilizar o pedal do acelerador e reduz o risco de entrar em pião”.

A tentativa teve lugar sob a supervisão da juíza dos recordes oficiais do Guinness World Records, Joanne Brent, na área irrigada do PEC.

Brent documentou o recorde com uma gama de ajudas técnicas e outros especialistas independentes: antes do teste, um inspetor mediu com precisão milimétrica a área de 80 metros de diâmetro do Porsche Experience Centre. Um GPS e sensores colocados dentro do veículo foram utilizados para propósitos de documentação, as-sim como a câmara instalada no telhado da torre de controlo do circuito, com a qual a volta recorde foi filmada.

Outra especialista independente foi Denise Ritzmann. Antes da tentativa de recorde, a engenheira, em representação da DEKRA, confirmou as especificações de série e condição para utilização em estrada do Taycan pré-série com tração traseira.

Ritzmann foi, de resto, campeã da Europa de drift em 2018 e 2019 e foi também res-ponsável por assegurar que o Taycan se mantivesse em drift permanente durante a tentativa de recorde: “É possível vislumbrar quando as rodas dianteiras estão a apontar numa direção diferente em relação à curva. Enquanto assim for, o automóvel está em drift,” explicou. Juntamente com Brent, ela contabilizou também as voltas completadas durante a tentativa de recorde.

Porsche Experience Centre (PEC) de Hockenheimring celebrou o seu primeiro aniversário

O PEC de Hockenheimring abriu as suas portas em 13 de outubro de 2019. Trata-se de um espaço de 170.000 metros quadrados localizado no coração da pista alemã que engloba um centro de experiências para clientes, um circuito de condução, seis áreas para condução dinâmica e um percurso de todo-o-terreno. O PEC de Hockenheimring é o segundo centro alemão depois de Leipzig. Os outros PEC localizan-se em Atlanta, Le Mans, Los Angeles, Xangai e Silverstone. O oitavo e maior PEC está agora em construção, localizando-se em Franciacorta, Itália. A abertura está prevista para meados de 2021.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of