Clementine: a primeira marca portuguesa de tampões e pensos higiénicos eco-friendly

0
221

Já conhece a marca Clementine? Não?! Olhe que devia .. principalmente se for mulher. Esta é a primeira marca portuguesa de pensos higiénicos e tampões eco-friendly.

Os pensos higiénicos e diários Clementine são 95% biodegradáveis. No caso dos tampões, mesmo os que têm aplicador, essa percentagem sobe para os 100%. Algo que só é possível porque os produtos da marca são totalmente isentos de ingredientes tóxicos, corantes ou fibras sintéticas.

Além de ajudarem na preservação do meio ambiente, os produtos desta marca assumem outras vantagens. Tendo em conta os seus componentes, os pensos e tampões Clementine também podem ser considerados especialmente benéficos para a saúde das mulheres.

Outro aspeto interessante associado à marca são as suas embalagens tailor-made. Não bastava estas serem ecológicas, ainda são personalizáveis. Isto é, na hora de comprar produtos Clementine pode escolher misturar, dentro da mesma embalagem, pensos e tampões. Sempre nas quantidades que mais se adequam às suas necessidades.

Para tornar a aquisição dos seus produtos ainda mais apelativa, a Clementine apostou num modelo de subscrição. Desta forma, a marca assegura entregas mensais ao domicílio. Citando as palavras da fundadora: “a Clementine é a primeira marca de cuidados femininos a funcionar com um modelo de subscrição”. Um serviço que é usufruível a partir qualquer ponto da Europa.

Apesar de ter sido fundada em Portugal pela Marta Cardoso, a Clementine já está a aventurar-se por mercados internacionais. A interação entre empresa e potenciais clientes é feita através do site da marca: www.weareclementine.com.

De que são feitos os produtos Clementine?

Durante a produção dos pensos e tampões Clementine os ingredientes tóxicos dão lugar a matérias primas ecofriendly. Não há espaço para o uso de lixívia, fragâncias ou fibras sintéticas sequer.

A fim de assegurarem que os seus produtos cumprem com os requisitos de respirabilidade e que têm todas as propriedades antibacterianas necessárias, a marca recorre a amido de milho e fibra de bambu.

A Clementine também não descurou os níveis de absorção dos seus pensos higiénicos, assegurados pelo uso de polpa de celulose. Segundo a marca, “esta matéria prima torna os núcleos dos nossos pensos mais absorventes do que os dos pensos de algodão”.

Para substituir os invólucros dos pensos higiénicos e diários comuns, a marca decidiu apostar em películas compostáveis feitas de amido. Uma opção 100% eco-friendly.

Sobre os tampões Clementine temos a dizer-lhe que os mesmos são feitos de algodão orgânico certificado. Incluindo o seu núcleo principal, o véu e o cordão. Já o aplicador destes produtos é feito de cartão.

Os invólucros dos tampões, com e sem aplicador, são feitos somente à base de papel. Segundo a fundadora da Clementine, “isto faz dos nossos tampões sem aplicador, os únicos do mercado não embrulhados em plástico”.

Mais uma vez, frisar que também os tampões Clementine são totalmente isentos de produtos tóxicos. Nomeadamente: fibras sintéticas, aditivos químicos, fragrância, corantes, lixívia de cloro, OGM, pesticidas, toxinas, látex ou formaldeído.

Descubra as Period Box

Se for mulher vai entender a importância de termos ao nosso dispor produtos que facilitem os dias em que a menstruação se faz (literalmente) sentir. E a Clementine é uma marca empenhada em tornar esta fase do mês um bocadinho menos chata. Nomeadamente através das suas “Period Box”, desenvolvidas com base numa lógica de personalização que passamos a explicar.

As embalagens e produtos Clementine “são fora da caixa”, deixando de parte qualquer ideia standardizada acerca do período menstrual. Prova disso é o facto de a marca dar liberdade às mulheres para combinarem numa única embalagem, a Period Box, produtos diferentes.

Mas a personalização dos produtos Clementine vai mais longe: pode juntar na mesma embalagem pensos e tampões com diferentes níveis de absorção. As próprias quantidades são totalmente ajustáveis às necessidades específicas de cada cliente.

Tudo isto faz com que as “Period Box” se adaptem perfeitamente a diversas situações, incluindo individuais e familiares. “O fluxo menstrual muda ao longo da vida da mulher”, relembra Marta Cardoso. E este é mais um aspeto que vem evidenciar a pertinência da personalização deste tipo de produtos.

O custo final da sua Period Box dependerá dos produtos e quantidades que escolher. Mas, para ter uma valor de referência, o preço base desta é de 9,65€. Isto se optar pelo sistema de compra única.

Ao aderir ao sistema de subscrição pode usufruir de um desconto extra de 20% em todos os produtos Clementine. De relembrar que a frequência com que as encomendas são enviadas para casa ou para o lacal de trabalho pode ser alterada pelo cliente a qualquer momento.

Quanto custam os produtos

Tão interessantes como a Period Box, são os outros produtos que a Clementine também disponibiliza no seu site. O sistema de aquisição é o mesmo que já lhe explicámos na apresentação das Period Box. Contudo, os produtos de vamos agora enumerar podem ser adquiridos separadamente, na sua própria embalagem. Para já a Clementine está a comercializar um total de cinco produtos diferentes, todos com nomes originais.

Os ‘Everyday Cuttie’ são pensos diários e uma embalagem com 21 unidades implica um investimento de 5,86€. Se preferir pode adquirir os Super-duper Queen, uns pensos higiénicos normais que são vendidos em caixas de 9 por 5,86€. Relativamente a pensos higiénicos de noite a Clementine tem disponíveis os Night Diva, comercializados em caixas de 9 unidades também por 5,86€.

Se os tampões são mais do seu agrado procure pelos Free Beauty. No caso dos tampões com aplicador, 12 unidades custam 5,88€. Já 16 tampões sem aplicadores têm um preço associado de 5,92€.

De relembrar que estes são apenas os preços base dos produtos, aos quais podem ser aplicados descontos de 20% ao aderir ao sistema de subscrição.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of