A Opel está a avançar nos planos de eletrificação da sua gama de modelos. Na intervenção que proferiu na Conferência SHIFT sobre Mobilidade, que se realizou no dia 4 de setembro em Berlim, na Alemanha, o CEO da marca, Michael Lohscheller, começou por anunciar que o fabricante alemão lançará uma versão do furgão Movano com motorização elétrica já em 2021.

De seguida, reiterou o comprimisso com os EV, afirmando que “já no próximo ano, cada modelo da nossa gama de veículos comerciais oferecerá uma variante elétrica”.

Michael Lohscheller:

“No próximo ano vamos oferecer na nossa gama um total de nove modelos eletrificados diferentes, que estão bem representados nos segmentos mais importantes”.

“em 2024 teremos uma versão elétrica em cada modelo da nossa gama”

Deste modo, em 2021 também chegará aos concessionários a versão eletrificada do Combo. E o novo Opel Vívaro-e começará a ser entregue aos primeiros clientes já no início do outono deste ano.

“A motorização elétrica é particularmente relevante no segmento dos veículos comerciais ligeiros”, diz Michael Lohscheller.

“Seja veículo de entrega ‘last mile’ ou transportador para o trabalho, com a nossa gama Combo, Vívaro e Movano, oferecemos a opção de circular sem emissões numa grande variedade de formatos”.

Na gama de modelos de passageiros, a marca prossegue, igualmente, a eletrificação da sua linha.

O Corsa-e a bateria e o híbrido ‘plug-in’ Opel Grandland X Hybrid chegaram ao mercado no primeiro trimestre de 2020.

O monovolume para a família Zafira-e seguir-se-á em breve com uma versão totalmente elétrica a bateria. E o novo Opel Mokka também estará disponível com uma variante elétrica a bateria logo desde o lançamento.

Por seu lado, versões eletrificadas do Opel Combo Life e de um Opel Astra completamente novo surgirão no próximo ano.

Opel Mokka-e

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of