Por ocasião do Dia Mundial do Ambiente, que se celebra a 5 de junho, o Lidl Portugal terá disponível, no dia 4 de junho, uma coleção de t-shirts para crianças e adultos, em parceria com a Organização Não-Governamental (ONG) Plant-for-the-Planet.

A Plant-for-the-Planet, criada em 2007 por Felix Finkbeiner, com apenas 9 anos na altura, é uma ONG alemã que visa sensibilizar os mais novos para a proteção ambiental, contando já com 88.000 crianças e jovens embaixadores em 74 países.

Esta ONG tem como objetivo reduzir as emissões de CO2 em todo o mundo, através da plantação de árvores, atenuando a crise climática, e sensibilizando crianças e jovens em todo o mundo.

Plantação no México

Por cada t-shirt vendida, será plantada uma árvore na plantação que a organização Plant-for-the-Planet possui na península de Yucatán, no México e que é monitorizada cientificamente pelo Crowtherlab na ETH em Zurique, um grupo de pesquisa interdisciplinar que desenvolve uma compreensão fundamental e holística da ecologia à escala global, com o objetivo de compreender e abordar as mudanças climáticas.

Na região do Yucatán, “o clima é propício ao crescimento das árvores, crescendo particularmente mais rápido e capturando uma maior quantidade de CO2. Adicionalmente, para além de ajudarem a combater a crise climática, as árvores plantadas nesta região são também importantes para combater as secas, formação de desertos, erosão e ajudam a proteger áreas costeiras contra terramotos”, refere em comunicado o Lidl.

Por cada t-shirt vendida desta coleção, será plantada uma árvore.

As t-shirts incluem ainda o selo GOTS – Global Organic Textile Standards – que garante a rastreabilidade do algodão utilizado na coleção, desde a sua colheita, por meio de uma fabricação ambiental e socialmente responsável, até à rotulagem, que oferece uma garantia confiável ao consumidor. A coleção estará disponível nas lojas Lidl, para crianças dos 6 aos 14 anos (5,99€) e para adultos, dos tamanhos S ao XL (6,99€).

 

Compromissos sustentáveis que Lidl tem assumido

O Lidl tem assumido vários compromissos sustentáveis, com os seus responsáveis a destacarem o facto de em 2018 a cadeia de retalho ter fixado a meta de reduzir o consumo de plástico nas embalagens de marca própria em 20% até 2025 e de integrar o máximo de plástico reciclável em 100% das embalagens de marca própria. Desde agosto de 2018, o Lidl descontinuou a venda de plásticos descartáveis, evitando a entrada no sistema de 12,5 milhões de copos e de 5 milhões de pratos anualmente, tendo sido “a primeira cadeia do retalho a abolir a venda de sacos de plástico para transporte de compras em todas as lojas a nível nacional – menos 25 milhões de sacos de plástico por ano”, dão conta os seus gestores.

A preocupação do Lidl com o ambiente passa também pela pesca e agricultura responsável. O Lidl desenvolve uma política de compra e venda de pescado sustentável. “No âmbito desta política, foi a primeira cadeia de retalho em Portugal a garantir a totalidade do seu bacalhau proveniente de pesca sustentável, com certificação MSC [Marine Stewardship Council] e privilegia produtos de aquicultura sustentável, com certificação ASC [Aquaculture Stewardship Council]”, salienta a rede de hipermercados que está igualmente comprometido com um cultivo sustentável de café, chá e cacau colaborando com organizações de certificação reconhecidas internacionalmente, como Fairtrade, Rainforest Alliance, Bio e UTZ, que assegura aos consumidores que os produtos respeitam as melhores práticas de comércio justo e respeito pelo ambiente, contribuído para um produto de elevada qualidade.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of