A Volvo Cars já tinha declarado que iria limitar a velocidade máxima dos seus automóveis. Tudo em nome da segurança e com o objetivo de tentar reduzir o número de ferimentos graves e de mortes no trânsito.

O construtor sueco dá conta agora de que está a concretizar o prometido, indicando que todos os seus novos automóveis (“Model Year 2021” – MY21) vêm equipados, de série, com duas importantes características relativas à segurança rodoviária – limitador de velocidade a 180 km/h e Volvo Care Key.

  • Como funciona a Care Key, da Volvo? Clique na imagem para saber mais:

Relativamente à “Care Key”, este dispositivo irá permitir aos condutores definir não só o seu próprio limite de velocidade mas também limites para eventuais familiares ou amigos a quem emprestem os seus automóveis (nela se incluindo, por exemplo, jovens inexperientes com carta de condução há pouco tempo).

Baluarte da segurança e comprometida com uma “Visão Zero” vítimas rodoviárias, a Volvo envia, assim, mais um forte sinal à industria automóvel, sobre os perigos da velocidade, dando um passo pioneiro.

Motivar melhores comportamentos dos condutores

A marca explica que quer realçar a responsabilidade dos construtores com vista à redução das fatalidades no tráfego, motivando melhores comportamentos dos automobilistas.

“Acreditamos que um construtor tem a responsabilidade de ajudar a melhorar a segurança rodoviária. A tecnologia de limitação de velocidade que agora introduzimos e o diálogo que ela iniciou encaixam-se nesse pensamento. O limitador de velocidade e Volvo Care Key ajudam as pessoas a refletir e perceber que o excesso de velocidade é perigoso. Além disso, estamos a proporcionar mais tranquilidade e a motivar melhores comportamentos dos condutores” – Malin Ekholm, responsável do Volvo Cars Safety Centre

Desde que foi anunciado, o limite de velocidade máxima imposto pela Volvo Cars provou ser controverso, com alguns a questionarem os direitos dos construtores em impor tais limites através da tecnologia disponível.

Porém, o facto é que, na semana seguinte ao anuncio da Volvo, a Comissão Europeia reforçou a posição da marca sueca ao anunciar a nova legislação europeia que prevê que todos os automóveis vendidos a partir de maio de 2022, na União Europeia, terão de passar a oferecer, como equipamento de série, um limitador de velocidade inteligente e monitorização do estado do condutor, detetando se quem está ao volante está distraído ou sob o efeito de álcool ou estupefacientes.

A partir de certos limites, a tecnologia não consegue evitar fatalidades

Explica a Volvo: “O problema relacionado com o excesso de velocidade é que, a partir de determinados valores e em caso de acidente, a tecnologia de segurança do veículo e a sua estrutura não conseguem evitar ferimentos graves ou mesmo fatalidades. Por isso, a maioria dos países ocidentais, impõe limites de velocidade bem mais apertados que os anunciados 180 km/h dos novos Volvo. Ainda assim, pelo desrespeito das regras de trânsito, esta continua a ser uma das razões mais comuns para a ocorrência de mortes na estrada”.

As pesquisas mostram que, em média, os condutores têm uma compreensão insuficiente dos perigos da velocidade. Como resultado, os automobilistas costumam conduzir demasiado depressa apresentando pouca adaptação da velocidade em relação à situação do tráfego e ao estado da via.

Tecnologia e o papel do condutor

A Volvo reconhece que a tecnologia em redor do automóvel, poderá não ser, por si só, suficiente para atingir a desejada redução de acidentes e vítimas e, por isso, a empresa amplia o âmbito do seu foco, passando a destacar o comportamento e o papel do condutor.

No contexto dos seus estudos sobre segurança rodoviária, além da velocidade, a empresa identificou a intoxicação e a distração como outras lacunas principais relacionadas com o comportamento dos condutores. Para “atacar” estes pontos frágeis do ambiente rodoviário que envolvem o condutor, a Volvo está a trabalhar para apresentar novas soluções a incorporar em modelos futuros.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of