A Câmara do Porto iniciou desde esta segunda-feira, dia 11, a reabertura dos parques de estacionamento municipais ou cuja gestão está confiada à empresa municipal Ágora, designadamente os parques da Trindade, Alfândega, Silo Auto, Palácio de Cristal e Poveiros.

“Este regresso faseado da atividade de fiscalização do estacionamento à superfície, permitirá ao município preparar o reinício das operações de gestão de estacionamento em segurança, implementando gradualmente todos os planos de contingência entretanto definidos, nomeadamente no que respeita à desinfeção dos espaços e respetivos equipamentos, ao mesmo tempo que acompanha o regresso faseado da atividade económica em sintonia e conformidade com a estratégia de levantamento gradual das medidas de confinamento, determinadas por resolução do Conselho de Ministros de 30 de abril”, explica a autarquia.

Porém, fixou para dia 18 o regresso do estacionamento pago à superfície (as Zonas de Estacionamento de Duração Limitada – ZEDL).

Trata-se de um regresso faseado.

O reinício do pagamento a 18 de maio abrangerá, em primeiro lugar, a operação de fiscalização do estacionamento à superfície na zona central da cidade (zona I). É igualmente reaberto a 18 de maio o parque municipal de Duque de Loulé.

No dia 25 de maio segue-se a reabertura da zona II e, finalmente, no dia 1 de junho as zonas III e IV de características mais residenciais e de serviços.

A informação das diferentes zonas pagas à superfície está identificada em todos os parcómetros. Estes serão ligados gradualmente, por zonas e nos dias já indicados.

Serão igualmente retomadas, como meio de pagamento, as aplicações já existentes – Telpark e Via Verde – que serão ajustadas ao plano de reabertura gradual definido pelo município.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of