A Toyota, que tem uma longa tradição em veículos híbridos, pretende reduzir ao máximo o impacto ambiental da sua atividade.

O intuito é que a pegada ecológica do gigante japonês seja ligeira, de modo a que isso se reflita não apenas ao nível das viaturas que produz, como também ao nível do próprio sistema de produção.

[Clique na imagem para ler]

Nessa medida, um dos planos estruturantes da Toyota, possivelmente mais invisíveis aos olhos dos consumidores mas com grande alcance na diminuição do CO2, passa pela utilização de fontes exclusivamente renováveis nas suas fábricas.

Para tal, a Toyota Motor Corporation concluiu no início deste mês um acordo com a Chubu Electric Power e a Toyota Tsusho Corporation para o estabelecimento da Toyota Green Energy LLP, precisamente, para fins de obtenção e gestão de fontes renováveis ​​de energia no Japão e fornecimento de energia elétrica proveniente de fontes limpas para o Grupo Toyota no futuro.

Toyota Yaris Cross

Desafio Ambiental Toyota 2050

Em termos de distribuição de capital, a Toyota Green Energy divide-se do seguinte modo: Toyota Motor Corporation 50%, Chubu Electric Power 40% e Toyota Tsusho Corporation 10%.

“A Toyota aspira avançar em direção a uma sociedade onde pessoas, automóveis e natureza pode coexistir em harmonia”, sublinha o construtor.

Sob o “Desafio Ambiental Toyota 2050”, a Toyota planeia, deste modo, reduzir a pegada de carbono dos automóveis para o mais próximo de zero possível ao mesmo tempo que se envolve em atividades que contribuam para a melhoria do ambiente global.

O arranque das operações da Toyota Green Energy está planeado para julho de 2020.

A energia descarbonizada a ser fornecida através desta nova entidade Toyota Green Energy, sedeada em Nagoya, reduzirá as emissões de dióxido de carbono de fábricas e outras instalações, numa lógica de uma sociedade de baixo carbono.

Apesar de deter apenas 10% na estrutura societária da empresa, a Toyota Tsusho será um dos elementos chave deste processo. Trata-se do braço do Grupo Toyota que atua no ramo de energia renovável há mais de 30 anos, desde o desenvolvimento até à operação de centrais elétricas, com foco na energia eólica e energia solar.

O Desafio Ambiental 2050, anunciado pela Toyota em 2015, compreende seis “desafios” que abrangem todos os aspetos da empresa e o desenvolvimento de novos produtos e tecnologias. Estes são os seis desafios a que o construtor se compromete atingir:

[clique para ampliar imagem]

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of