PAN quer bicicletas GIRA gratuitas para todos até final do ano

0
88

O Grupo Municipal de Lisboa do PAN – Pessoas-Animais-Natureza enviou um requerimento à Câmara Municipal de Lisboa no qual recomenda que a rede de bicicletas GIRA seja gratuita para todos os utilizadores até ao final do ano e que seja também incluída no passe metropolitano, considerando a sua utilização um meio de prevenção de contágio e de melhoria da saúde individual e pública.

“A COVID-19 continuará a ser um desafio com o qual teremos de aprender lidar, pelo menos enquanto não for encontrada uma vacina, pelo que as cidades terão de se adaptar gradualmente para retomar a atividade social e económica, sem descurar as devidas precauções e mantendo o distanciamento social, questão especialmente complicada quando falamos da utilização de transportes públicos”, explica a deputada Inês de Sousa Real.

“Devido às medidas de restrição impostas à mobilidade dos portugueses, verificou-se uma acentuada melhoria na qualidade do ar na cidade de Lisboa, com a poluição em queda. Apesar deste momento difícil que vivemos, devem ser incentivadas novas políticas que ajudem a salvaguardar a saúde pública e, ao mesmo tempo, a promover um planeamento urbano mais sustentável, onde as ciclovias e a bicicleta devem assumir um papel cada vez mais  preponderante, questão que foi aliás sempre defendida pelo PAN na Assembleia Municipal de Lisboa”, remata Inês de Sousa Real.

Por este motivo, o Grupo Municipal do PAN defende que deve existir um incentivo e uma maior aposta nos modos de mobilidade suave existentes na cidade, o qual deve passar pela isenção de pagamento da rede de bicicletas GIRA até ao final do ano, sem prejuízo de renovação, caso não seja declarado o fim desta crise sanitária, uma vez que as bicicletas promovem o distanciamento social e previnem a lotação dos restantes meios de transporte.

Inclusão no passe social

O PAN Lisboa questionou ainda o município da capital portuguesa se já está a ser articulado com a Direção Geral de Saúde a definição das regras adequadas de afastamento e de utilização destas bicicletas comunitárias, bem como das ciclovias no geral, para que os utilizadores deste meio de transporte possam ser corretamente informados e protegidos.

O Grupo Municipal do PAN defende ainda que a autarquia da capital deve promover a inclusão deste sistema de transporte no passe metropolitano (18 municípios), “pois a sua integração, com preços mais acessíveis, contribuirá para uma maior utilização, em detrimento do transporte individual”, sublinha o partido.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of