A Lucid Motors é uma start-up norte-americana especializada em automóveis elétricos. A apresentação oficial do seu mais recente modelo, o Air Eletric Luxury Sedan, vai acontecer já em abril.

O elétrico é visto pelo seu fabricante como “um novo ideal de luxo e sustentabilidade” que resulta do esforço que o grupo fez para desenvolver um veículo “mais moderno, mais espaçoso, mais luxuoso e com melhor desempenho que o Tesla Model S”. 

No ano passado Peter Hochholginger, ex-presidente de fabricação da Tesla, juntou-se à equipa responsável pelo desenvolvimento do elétrico “Air”.

Para além de ter criado 80 protótipos do novo modelo da Lucid Motors, Hochholdinger também realizou testes de durabilidade e colisão. O objetivo era conseguir ajustar corretamente o controlo de tração e estabilidade, assim como outros aspetos dinâmicos do automóvel. 

Pack de bateria de 130 kWh

O modelo Air será comercializado com um pack de baterias com 130 kWh de capacidade. Desta forma é possível percorrer até 644 quilómetros ao volante deste veículo após cada carregamento. 

A nível do sistema elétrico a Lucid também promete vir a destacar-se dos demais – “A Tesla utiliza 400 volts e a Porsche apresenta um sistema de 800 volts. O nosso modelo ‘Air’ incorporará um sistema de mais de 900 volts”, referiu o diretor de tecnologia da Lucid Motors, Peter Rawlinson.

O engenheiro britânico também destacou o facto da carroçaria escolhida oferecer uma motorização mais eficiente e albergar uma bateria de menores dimensões. Características que aumentam significativamente a autonomia do automóvel. 

Desempenho de referência

O Lucid Air Eletric Sedan é um carro com 1000 cavalos de potência daí conseguir passar dos 0 para os 97 km/h em 2.5 segundos. A velocidade máxima estimada é de mais de 320 km/h.

Nem o designer deste modelo foi descurado, se não note: o sistema de faróis foi denominado “Lucid Vision” e é inspirado nos olhos das moscas. Este mecanismo resulta de um total de 4870 lentes que podem ser direcionadas individualmente. É também de frisar que os “Lucid Vision” usam apenas um terço da energia dos sistemas de iluminação LED convencionais, garantiu a marca.

A extremidade frontal incorpora o sistema de resfriamento “Lucid Vortex” que, segundo o grupo, fornece fluxo de ar de resfriamento adequado, minimizando o arrasto aerodinâmico.

Para completar, possuí uma variedade de sensores. A destacar: duas unidades de radar de longo alcance e quatro de curto alcance, três câmaras frontais, cinco câmaras ativas de visualização surround e uma câmara que monitora o condutor.

Pode ser reservado já

Se ficou rendido ao Lucid Air Eletric Sedan após a descrição que lhe acabamos de fazer saiba que ainda vai ter que esperar uns meses até o poder ter “nas mãos”. 

Já é possível fazer reservas para este novo modelo da Lucid sendo que terá que dar uma entrada no valor de aproximadamente 890€. Contudo, este produto só vai começar a ser entregue aos seus proprietários no começo de 2021.

É de ter também em conta que ainda não foi revelado o preço final deste veículo nem são conhecidas, até ao momento, listas de recursos ou configuradores. Isto significa que qualquer investimento feito neste elétrico é baseado somente nas “garantias” que o fabricante deu até agora e na reputação de todos os envolvidos no projeto “Air”.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of