O Grupo BMW anunciou a expansão da capacidade de produção da sua área de produção E-Drive em Dingolfing, Alemanha, mais rapidamente do que aquilo que tinha previsto inicialmente. O motivo, explica a marca, relaciona-se com o aumento da procura por viaturas eletrificadas.

Michael Nikolaides, responsável de produção dos motores e E-Drive do Grupo BMW dá conta desta aposta: “Estamos a embarcar numa grande expansão do nosso centro de produção E-Drive em Dingolfing – de 8.000 metros quadrados para aproximadamente 80.000 metros quadrados no futuro. É onde produzimos motores e componentes dos modelos eletrificados. Até ao fim do ano, o nosso staff crescerá de 600 pessoas para mais de 1.400 pessoas”.

De acordo com o fabricante germânico, a médio prazo, mais de 2.000 funcionários irão trabalhar ali em motores elétricos e baterias.

A introdução dos BMW 330e, X5 xDrive45e e X3 xDrive30e plug-in híbridos, a par do Mini Cooper SE, elevam o número de veículos eletrificados no Grupo BMW para os doze. Durante 2020, esta gama de modelos será reforçada com a chegada do BMW X1 plug-in e do 100% elétrico BMW iX3.

O Grupo BMW planeia expandir a sua gama de veículos eletrificados para 25, em 2023, mais de metade dos quais 100% elétricos.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of