Ainda em busca de presentes nesta altura do ano? Os ambientalistas da associação Zero sugerem que vá às compras na sua própria casa. “Certamente tem presentes que lhe foram oferecidos e que nunca utilizou ou irá utilizar. Algo que tenha comprado, mas não tenha usado, também serve. Porque não oferecê-los a alguém que poderá vir a dar-lhe um destino útil? Dá um novo uso a um recurso e evita a ‘loucura’ das compras de última hora”, lembra a associação.

Outra hipótese se tem ainda que dar uma prenda e não sabe o que oferecer, um produto comestível (por exemplo, uma lata de chá biológico, um vinho, chocolates artesanais) é uma boa garantia de sucesso, refere a Zero.

Algo feito por si

Outra hipótese é também oferecer algo feito por si. Umas bolachas, bolinhos ou bombons caseiros em frascos reutilizados são uma hipótese. Oferecer fotos memoráveis ou frases inspiradoras numa moldura feita por si reutilizando materiais que tenha em casa, também pode ser uma bela surpresa para quem recebe.

Em segunda-mão

Comprar presentes em segunda-mão pode ser uma excelente opção em termos ambientais e económicos. Muitos bens em segunda-mão encontram-se em condições semelhantes aos produtos novos e são muitas vezes vendidos a menos de metade do preço.

“No entanto, tenha atenção aos materiais plásticos, especialmente no que toca a brinquedos e a utensílios de cozinha. Em alguns casos, podem conter substâncias que atualmente se encontram proibidas”, lembram os ecologistas.

Apoiar causas

Outra boa opção é a de oferecer o apoio a causas – adotar uma causa, apoiar uma instituição. Pode também oferecer experiências – passeios, ações de voluntariado, etc. – em alternativa aos bens materiais.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of