Turquia quer entrar na guerra elétrica: Pininfarina desenha veículo

0
400

Pelo menos desde 2015 que se fala que a Turquia pretende ter um veículo elétrico nacional.

Agora, o projeto parece ter ganho algum avanço com a imprensa turca a dar conta de que esse modelo pode ver a luz do dia na segunda metade de 2022, com uma autonomia de 500 km e tempos de carregamento de meia hora (em DC) e dez horas (numa normal tomada doméstica).

O design será da Pininfarina e o projeto é abraçado pela Automobile Joint Venture Group (TOGG), a qual é formada pelos cinco maiores grupos industriais turcos: Anadolu Group, BMC, Kok Group, Turkcell e Zorlu Holding.

Cada uma destas entidades detém 19% da joint-venture. Os restantes 5% são da Turkiye Odalar ve Borsalar Birligi (TOBB), uma espécie de Câmara do Comércio e Indústria da Turquia.

SUV de segmento C

O veículo será um SUV de segmento C que fornecerá soluções de conectividade com dispositivos inteligentes, as quais serão desenvolvidas por uma startup de bandeira turca.

A ideia é que esse EV seja ele próprio um elemento de um ecossistema de Internet of Things, podendo interagir com dispositivos de domótica e redes inteligentes.

Segundo algumas fontes indicam que o veículo poderá recorrer a realidade aumentada como alternativa aos dispositivos de navegação.

A imprensa turca refere que o polémico presidente turco Erdogan deverá nos próximos dias efetuar já uma apresentação pública do modelo, conduzindo o veículo, na província de Kocaeli, distrito de Gebze, num trajeto que inclui a travessia da ponte de Osmangazi. Nessa altura, deverá revelar o nome do automóvel.

O SUV elétrico será fabricado no Information Technologies Valley (IT Valley), em Gebze, e deverá ser o primeiro de outros elétricos “Made in” Turquia.

Nos planos do Estado da Turquia está o lançamento de até cinco modelos elétricos até 2030.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of