Digressão de Bryan Adams planta um milhão de árvores

0
676

Para demonstrar o seu compromisso com a sustentabilidade e a proteção ambiental, o cantor Bryan Adams e a empresa de logística DHL assumiram o compromisso de plantar um milhão de árvores este ano, no âmbito da digressão mundial do músico “Shine a Light”.

A iniciativa resulta de uma parceria entre o conhecido músico e a DHL, a qual é o operador logístico oficial da tournée que, esta semana, vai trazer o cantor canadiano a Portugal para dois concertos.

1 árvore por bilhete

A estratégia de sustentabilidade seguida pela DHL compreende três iniciativas – GoHelp (gestão de desastres), GoTeach (melhoria da educação e níveis de emprego) e GoGreen (proteção do meio ambiente).

De acordo com a “Missão 2050: Emissões Zero” do Deutsche Post DHL Group, a DHL concordou em plantar uma árvore por cada bilhete vendido na tour “Shine a Light” de Bryan Adams.

Algumas das áreas em que as árvores são plantadas serão Indonésia, EUA, Canadá, Malawi e Nicarágua.

Até ao momento, no âmbito desta iniciativa, já foram plantadas mais de 300 mil árvores.

A ação de plantação tem estado a ser feita em articulação com outras entidades como são os casos de Arbor Day Foundation, Plant-for-the-Planet, WeForest e Root Root, acontecendo no ano em que a DHL assinala o seu 50º aniversário de vida.

Contributo para os ecossistemas

“Esta parceria com a DHL promove uma grande mensagem ambiental. Precisamos de cuidar do nosso planeta – e é por isso que espero que mais artistas considerem no futuro este género de parceria ecológica. Tenho orgulho de fazer parte desta iniciativa”, diz Bryan Adams.

A tournée de Bryan Adams “Shine a Light” começou em 25 de fevereiro em Belfast, Reino Unido. Esta sexta-feira, 6 de dezembro, o cantor atua no Altice Arena, em Lisboa. No sábado, 7 de dezembro, o canadiano canta no Fórum Braga, em Braga.

“Através da nossa campanha de plantação de árvores com Bryan Adams, podemos fortalecer ainda mais os ecossistemas globais a longo prazo e, assim, contribuir para a biodiversidade e a conservação de espécies”, afirma Frank Appel. O CEO do Deutsche Post DHL Group acrescenta que “a reflorestação é comprovadamente um dos métodos mais sustentáveis e eficientes de captura de carbono”.

Emissões zero líquidas até 2050

O Deutsche Post DHL Group assumiu ocompromisso de reduzir as emissões de todo o grupo para zero líquido até 2050, promovendo a mobilidade elétrica e implementando soluções de entrega de última milha (“last mile”) ambientalmente amigáveis, como bicicletas de transporte de mercadorias.

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of