O construtor japonês do grupo Toyota acabou de apresentar o Lexus UX 300e, o seu primeiro veículo 100% elétrico. A revelação foi feita no Salão Automóvel de Guangzhou, China.

O mercado chinês e o europeu serão o primeiro a receber o novo modelo, que poderá ser adquirido já no próximo ano. O Lexus UX 300e chegará ao mercado japonês só em 2021.

Plataforma já existente

A plataforma do Lexus UX 300e já é conhecida na gama UX com motores híbridos a gasolina. É também partilhada pelo Toyota CH-R EV, modelo para já exclusivo do mercado chinês.

A Lexus promete um excelente comportamento em estrada, reforçado pelo baixo centro de gravidade. Com 150 kW (204 cv), o UX 300e terá uma aceleração dos 0-100 km/h em 7,5 segundos e velocidade máxima de 160 km/h. Tem apenas um motor elétrico e tração dianteira, ao contrário das versões híbridas, que podem ter tração integral.

Estará equipado com um pack de baterias de 54,3 kWh, que permitirá, segundo o fabricante, uma autonomia de 400 km. No entanto, a Lexus informa que esta estimativa tem por base o ciclo NEDC, pelo que o valor real será provavelmente bastante inferior.

Quanto às velocidades de carregamento, em AC será de 6,6 kW e em DC, de até 50 kW.

Fiabilidade é primordial

A Lexus compromete-se a manter o mesmo nível de qualidade e fiabilidade que é reconhecida aos seus produtos.

O condutor terá vários modos de condução disponíveis, para ajustar a utilização consoante a sua disposição ou necessidades. Esta é uma funcionalidade que já acompanha os híbridos da marca. Mas o Lexus UX 300e vai permitir também quatro modos de recuperação de energia, comandados por patilhas no volante.

A aplicação o Lexus Link oferece a possibilidade de controlar o carregamento e o ar condicionado de forma remota. Também será possível localizar estações de carga.

O preço ainda não foi divulgado, mas é normal que este modelo venha a ser posicionado no topo da oferta atualmente disponível da gama UX. Em Portugal, os valores base do UX250 híbrido oscilam entre os 42.500 e os 60.200 euros.

Com as características indicadas, o Lexus UX 300e vai encontrar como rivais no mercado nacional o Kia e-Niro e o Tesla Model Y.

O que pensa o Watts On

A enorme experiência das marcas do grupo Toyota nos sistemas híbridos, com mais de milhão e meio de unidades, criou a expectativa de como seria o primeiro Lexus elétrico.

O UX 300e vem mostrar que essa transição vai ser mais lenta do que o esperado. Parece, aliás, muito semelhante à efetuada por quase todos os construtores tradicionais. Começa pela partilha de uma plataforma multi-energia e revela grande conservadorismo em termos técnicos.

A começar pelo alcance de 400 km anunciado. Em letras pequenas mostra-se que o cálculo é feito com base no ciclo NEDC, que já não está a ser utilizado nos modelos atuais. Pela nossa experiência, o desvio destes 400 km para a realidade será rondará os 20 a 25%, significado uma autonomia real de cerca de 300 km. Se o consumo real for de 170 Wh (o que seria um valor aceitável) por exemplo, o alcance será de 320.

A velocidade de carga é também inferior à do Kia e-Niro, talvez o modelo mais próximo em termos de especificações e dimensões.

Ainda assim, mesmo com um VE pouco revolucionário, é bom ver a Lexus a entrar no mercado dos veículos 100% elétricos. A qualidade de engenharia e a fiabilidade dos seus produtos reforça a credibilidade da mobilidade elétrica.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of