Rede de bicicletas GIRA abre sete novas estações

A rede de bicicletas GIRA passa a contar a partir de agora com 81 estações e cerca de 600 bicicletas partilhadas.

0
389

Para assinalar a Semana Europeia da Mobilidade, a rede GIRA Bicicletas de Lisboa abriu sete estações, passando, assim a dispor de um total de 81 pontos, que se traduzirá num acréscimo do número de bicicletas em operação.

As sete novas localizações são:

  • Alameda dos Oceanos / Passeio das Garças
  • Av. 24 de Julho
  • Praça da Figueira
  • Rua da Mesquita / Universidade Nova de Lisboa
  • Av. de Paris
  • Entrecampos / Av. Forças Armadas
  • Faculdade de Ciências

Com 18 mil passes ativos e uma rede que atualmente dispõe de 600 bicicletas, o número total de viagens realizadas com as bicicletas partilhadas na capital ultrapassa os dois milhões.

A EMEL, que gere esta rede, afirma que “continuará a trabalhar para garantir o normal funcionamento do serviço e a abertura de outras estações já instaladas, pois acredita que a rede GIRA é uma peça essencial para a transformação do panorama da mobilidade em Lisboa, tendo trazido uma nova forma de acessibilidade e mobilidade, que facilita as deslocações utilitárias (emprego/universidade – casa) e permite maior conforto na articulação com os transportes públicos”.

Em 2011, dados do Censos revelavam que a repartição modal da bicicleta nas viagens pendulares era de apenas 0,2%.

Atualmente, com a expansão da rede ciclável, que em 2018 atingiu os 100 km, e a operação da GIRA, a percentagem de repartição modal deste meio de micro mobilidade tem vindo a crescer, sendo a tendência para continuar a incrementar-se.

O objetivo do município é chegar aos 200 km de rede ciclável em 2021, na altura em que a cidade acolherá a conferência Internacional Velo-city.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of