As previsões de produção automóvel trabalhadas pela T&E (Transport & Environment, Federação Europeia para os Transportes e o Ambiente) mostram que a maioria dos fabricantes está pronto para adotar a eletrificação, deixando para trás a abordagem de “neutralidade tecnológica”, concentrando-se claramente na ampliação do volume de carros elétricos.

Sempre em crescendo

Após vários anos de crescimento tímido, o número de modelos de EV produzidos em toda a UE (e, por consequência, disponível no mercado) está prestes a subir a novos patamares, segundo a T&E: de cerca de 60 modelos a baterias (BEV), híbridos plug-in (PHEV) e a célula de combustível (FCEV) disponíveis no final de 2018 irá passar-se para um conjunto de 176 modelos destes em 2020; 214 modelos em 2021; e 333 modelos esperados em 2025.

“Isto não é coincidência, pois 2020/21 é o ano em que a meta obrigatória da União Europeia de CO2 de 95g/km está a aproximar-se”, lembra a T&E.

 

 

 

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of