App Miio já é uma referência entre os utilizadores de veículos elétricos

Surgida em maio, a app Miio já conta com milhares de utilizadores em Portugal. A aplicação quer descomplicar a vida de quem tem um elétrico, fornecendo os preços dos carregamentos na hora e os postos operacionais ou fora de serviço. A startup que está por detrás deste software é de Aveiro e fomos conhecê-la para perceber as funcionalidades que a app terá nos próximos tempos.

0
1012

É quase regra que quem tem um veículo elétrico não dispensa o smartphone para consultar os mapas que lhe indicam a localização dos pontos de carregamento. Contudo, no universo das app, há uma que surgiu há pouco tempo e está a ter muito sucesso junto das comunidades de utilizadores de veículos elétricos. Trata-se da Miio, app lançada em maio deste ano.

Links para descarregar
 Apple Store (http://bit.ly/miioios)
Play Store (http://bit.ly/miioandroid)

O Watts On foi ver o que a app faz que leva a que esteja a suscitar tanto engajamento nas redes sociais e conhecer a equipa que está por detrás do desenvolvimento desta plataforma que se propõe facilitar a vida de quem tem um veículo elétrico.

Startup de Aveiro

A app Miio pertence à startup Muvext, uma equipa composta por quatro elementos ex-alunos da Universidade de Aveiro e todos ligados à área da engenharia informática: Rafael Ferreira (25 anos e um dos dois co-fundadores da empresa e CEO), Daniela Simões (23 anos e o outro membro co-fundador, com funções de COO – Chief Operating Officer/diretor de operações), Filipa Tavares (23 anos e Software Developer) e Leonardo Oliveira (23 anos e que se juntou à equipa neste mês de agosto).

Da esquerda para a direita: Filipa Tavares (Software Developer), Daniela Simões (Co-Founder e COO) e Rafael Ferreira (Co-Founder e CEO). Na imagem, falta Leonardo Oliveira, que se juntou à equipa este mês.

A app Miio pode dizer-se que é uma evolução de uma outra app que Rafael Ferreira tinha criado, por autorrecriação e sem qualquer ligação oficial à rede Mobi.e, a do “Simulador MOBIE”, a qual se dispunha a calcular, numa simulação, quanto se iria pagar por carregar um elétrico num posto público.

Contudo e até porque os co-fundadores eram utilizadores de um veículo elétrico (um Nissan Leaf 2.0 de 40 kW), entenderam que “havia muito para ser feito em Portugal ao nível do fornecimento de serviços de apoio aos condutores de automóveis elétricos”. Mediante essa avaliação, estes jovens empreendedores evoluíram o projeto do simulador para a app Miio, a qual exibe agora um maior grau de detalhe das informações apresentadas.

“A aplicação nasceu da necessidade de saber antecipadamente quanto se pagaria por efetuar um carregamento num posto público. A adesão foi significativa e outras funcionalidades foram sendo adicionadas para que a mobilidade elétrica seja cada vez mais descomplicada”, explica Rafael Ferreira.

O que disponibiliza a app?

A aplicação Miio permite perceber qual é o custo e quais são as parcelas num dos com 659 postos de carregamento de veículos elétricos na rede Mobi.e em Portugal.

O utilizador tem acesso ao mapa de postos, clica no posto no qual pretende visualizar a informação e depois seleciona quais são os comercializadores de energia com o qual tem contrato e fornece as informações de carregamento.

O software apresenta-lhe os diferentes custos para vários contratos. “Os utilizadores podem agora comparar Comercializadores de Energia para a Mobilidade Elétrica (CEME) para saber o que mais lhe convém, comparar preços num dado posto e pagar sempre o preço mais baixo”, sublinha o responsável da startup.

Considerando a dinâmica do mercado e a existência de diferentes variáveis e operadores, Rafael Ferreira adverte os utilizadores para o facto de um mesmo cartão de um CEME “que compensa ser utilizado durante os dias úteis da semana, pode não compensar ao fim-de-semana, especialmente ao Domingo e a app esclarece isso”.

Mas há mais camadas de informações disponíveis na app. Entre outras, além da localização dos pontos de carregamento com integração no Google Maps, a app tem a disponibilidade de cada tomada (ocupada ou livre) e a indicação da fila de carros à espera para carregar.

A app Miio está disponível em Android e iOS e conta já com milhares de utilizadores registados.

“Na app pode ainda verificar-se o estado dos postos e das tomadas, para poder viajar livremente com mais garantias de que a rede está operacional, bem como os postos que lhes serão necessários no itinerário. A conveniência passa também por evitar postos com filas de espera, sendo que os utilizadores podem contribuir com essa informação, de modo a tirar o máximo de partido dos postos existentes, descentralizando o tráfego”, esclarece Daniela Simões.

A Miio é também a primeira e única aplicação nacional a permitir receber notificações de um posto, podendo os utilizadores serem notificados caso um dado posto fique livre, ocupado ou tenha fila de espera.

Funcionalidades da app

Mapa com Postos de Carregamento com ícones de estado e potência;
 Filtro de mapas (tomadas, velocidade e disponibilidade);
Visualização do estado das tomadas do posto de carregamento e há quanto tempo foi utilizado;
Visualização da informação do Posto de Carregamento (qual o OPC, a morada, etc);
Seleção do tarifário do Comercializador de energia com o qual o utilizador pretende simular;
Efetuar uma simulação de quanto se irá pagar, bem como a possibilidade de visualizar todo o detalhe da mesma;
Guardar simulação no histórico do utilizador;
Visualizar e exportar histórico por mês;
Visualizar diretamente quais são as taxas do operador de posto afetas ao carregador;
Atualizar o estado do posto para saber se já está disponível;
Saber quantos utilizadores estão a ver um determinado posto num determinado momento;
Página de favoritos e notificações de alteração de estado do posto;
Partilhar número de utilizadores em espera com outros utilizadores;
Comparar qual o tarifário e CEME mais benéficos ao utilizador, mediante inserção de informação sobre o VE;
Possibilidade de efetuar uma pesquisa por locais e verificar se existe um ponto de carregamento nesse local, exemplo: Fórum Aveiro;
Lista de notificações da rede, como: inserção de novos postos da rede, remoção de postos e mudanças de preço, com possibilidade de filtrar que notificações pretende receber.

A app está em constante atualização e desenvolvimento e ainda neste mês de agosto está prevista a possibilidade dos utilizadores inserirem fotos e comentários a respeito dos postos.

A mais recente funcionalidade que os utilizadores podem beneficiar com a app é a possibilidade de saberem, por tomada, se esse terminal de carregamento da rede Mobi.e foi usado e há quanto tempo, um indicador que permite ao utilizador tomar uma decisão mais informada, podendo perceber se essa tomada está apta a efetuar um carregamento ou não.

Atualmente, a Miio conta com 659 postos de carregamento da Rede Mobi.e. Serão adicionados brevemente os pontos de carregamento da rede Tesla e, ainda este ano, os postos de redes espanholas.

Até ao final do ano, a app irá incluir a rede de postos Tesla (não apenas os Supercharger como também os Destination Charger), sendo igualmente alargada a possibilidade dos utilizadores inserirem postos privados de acesso público e contribuir com informação dos postos já existentes na aplicação.

“Temos um acordo fechado com operadores em Espanha e até ao final do corrente ano essas redes de postos serão também integradas na app”, adianta Rafael Ferreira.

App para viajar de norte a sul num elétrico

“Vive-se um tempo de progresso tecnológico e a Miio quer servir um espectro cada vez mais alargado de utilizadores, acrescentando e melhorando funcionalidades recorrentemente. Em breve, será possível viajar com o seu veículo elétrico, de norte a sul de Portugal, com uma única aplicação, que lhe trará o conforto e segurança necessários para que não precise de dispensar mais do seu tempo em planeamento”, afirma Daniela Simões.

 

Planear itinerário mais barato

A startup Muvext está neste momento a trabalhar com base num plano para dois anos de aprofundamento do software. A estimativa é que até ao final de 2020, a maior parte dos desenvolvimentos estejam realizados. Rafael Ferreira diz que um desses desenvolvimentos irá permitir que as pessoas consigam planear de forma simples os seus trajetos, fazendo o itinerário mais barato com o seu carro elétrico, indo de um local a outro, carregando no posto “a” ou “b”.

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of