O Grupo Montepio inicia, este mês, um processo de descarbonização da sua frota automóvel, dando um passo no caminho da sustentabilidade, já que passa a adotar uma frota verde constituída por modelos híbridos e elétricos.

A medida envolve todas as empresas do grupo, permitindo uma diminuição da pegada ambiental, com as estimativas do Montepio a apontarem para uma redução das emissões de CO2 para a atmosfera em mais de 1480 toneladas e uma poupança de consumo de combustível em 562 mil litros/ano

“A mobilidade elétrica é uma revolução necessária e inevitável, porque dela também depende a preservação do planeta. Enquanto Grupo orientado ao futuro e à sustentabilidade económica, social e ambiental, estamos fortemente empenhados em implementar e incentivar as melhores práticas de eficiência energética”, afirma Luís Moreira de Almeida, administrador da Associação Mutualista Montepio, que encabeça o Grupo Montepio. “A nossa política de mobilidade e a rapidez com que será implementada refletem bem o compromisso que assumimos com a comunidade de associados e com a sociedade no seu todo”.

A renovação da frota arranca este mês e prevê-se que, até final do ano, um terço de todo o parque automóvel do grupo seja híbrido plug-in e elétrico. O processo de descarbonização da frota prolongar-se-á ao longo dos próximos dois anos, à medida que os contratos de renting ativos vão vencendo. Estas viaturas têm associada uma solução de renting do Montepio Crédito.

Formação em ecocondução

Com o intuito de incentivar um estilo de condução sustentável, os colaboradores das várias empresas do grupo receberão, paralelamente, formação em ecocondução.

Montagem de postos de carregamento

Para além disso, serão feitos investimentos nas instalações elétricas dos edifícios centrais, com montagem de pontos de carregamento nos parques de estacionamento, que permitirão a cada utilizador carregar a sua viatura nas instalações do grupo.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of