A empresa espanhola anunciou o aumento da sua frota de scooters eCooltra partilhadas em Lisboa. A capital portuguesa terá agora 500 unidades disponíveis para os seus utilizadores, numa resposta às necessidades que têm vindo a ser identificadas.

Com mais de 5000 scooters, a eCooltra tem a maior frota de scootersharing a nível mundial. O aumento da frota surge como resposta a um estudo feito em Barcelona, que revela que um dos maiores desafios dos utilizadores de plataformas de sharing é a dificuldade em encontrar veículos disponíveis nas proximidades. Para além de Lisboa, a eCooltra reforçou também a sua frota em Valência e Barcelona.

Este crescimento, daquele que é primeiro serviço de scootersharing em Portugal, representa um aumento dos postos de trabalho na empresa e uma resposta eficaz às necessidades apresentadas pelos utilizadores, assim como um reforço da presença e da resposta na capital portuguesa com a nomeação de Paulo Martins como city manager da eCooltra em Lisboa e com o novo armazém junto ao aeroporto de Lisboa para serviços de manutenção, recarregamento das scooters e serviços administrativos.

750.000 utilizadores

Em Lisboa, o aumento é de 72%, chegando às 500 scooters na capital. A nível global, a eCooltra vai aumentar a sua frota em 10%, reforçando a sua posição no mercado nacional e internacional: tanto Espanha como Itália vão ter um reforço nas suas frotas.

A aplicação também atingiu recentemente um número recorde de utilizadores: 750.000. Um crescimento assinalável tendo em conta o meio milhão de utilizadores com que fecharam o ano de 2018. Para celebrar este feito, a eCooltra está com descontos: todas as scooters que estiverem a azul na aplicação estarão com uma redução de preço.

“Procuramos sempre corresponder às necessidades dos nossos utilizadores, e com o aumento do número de ativos na aplicação, o crescimento da frota é um processo natural e que faz muito sentido. Em Lisboa, fomos o primeiro serviço de scootersharing e manter a oferta de qualidade para os nossos clientes é uma das nossas prioridades”, esclarece Timo Buetefish, CEO e fundador do grupo.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of