Inglaterra vai investir na área dos autocarros a hidrogénio, com uma frota de quase meia centena de “bus” fuel cell a chegar às cidades de Liverpool e Londres.

Na terra dos Beatles…

Um projeto patrocinado pelo governo britânico pretende introduzir até 25 autocarros a hidrogénio na área de Liverpool.

Os primeiros “bus” deverão entrar em serviço em 2020, com o projeto a incluir também a construção de um posto de abastecimento na fábrica da BOC em St. Helens, Merseyside, que fornecerá hidrogénio para clientes industriais.

A frota fuel cell contribuirá ainda para os planos da região de alcançar uma economia livre de CO2 até 2040.

A região de Liverpool City será o primeiro local no norte da Inglaterra a testar autocarros H2.

O projeto visa também demonstrar a viabilidade económica de um modelo de negócio que instala postos de abastecimento para frotas com alto grau de utilização e que, no futuro, deve permitir o uso futuro de carros e outros veículos.

O projeto vale 6,4 milhões de libras esterlinas (cerca de 7,5 milhões de euros).

Os autocarros em questão serão o Enviro400 de dois pisos, desenvolvidos pela Alexander Dennis, em parceria com a Arcola Energy.

… e na capital, Londres

Por seu lado, a “Transport for London”, empresa de transporte público de Londres, irá operar 20 autocarros de dois andares com célula de combustível (através do projeto JIVE financiado pela União Europeia).

Os veículos, construídos pelo fabricante britânico Wrightbus e equipados com a Ballard Power Systems, devem chegar à capital londrina, em 2020.

Os “bus” de dois andares e 10,90 metros de comprimento a hidrogénio podem transportar 64 passageiros e serão introduzidos em três linhas londrinas, sendo parte de iniciativa da empresa de transporte público de Londres de tornar zero a emissão de transporte de Londres.

O Wrightbus Streetdeck FCEV poderá fazer entre 322 km e 426 km, com o abastecimento a demorar cerca de sete minutos.

Este investimento em Londres, que abrange igualmente um posto de abastecimento a hidrogénio, ronda os 12 milhões de libras (cerca de 13,8 milhões de euros).

Os autocarros a hidrogénio irão expandir o número de bus de emissão zero da “Transport of London”, cujos 165 “bus” de emissão zero, serão reforçados com mais uma remessa de 68 autocarros elétricos de duplo piso a chegar até ao verão.

Estes veículos ecológicos serão introduzidos nas rotas 245, 7 e N7, levando passageiros até ao Estádio de Wembley ou do oeste de Londres até ao West End. Os autocarros têm pontos de carregamento USB integrados.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of