A Volvo Cars anunciou o seu próximo passo em direção às suas metas de eletrificação, assente em três vertentes:

  • os modelos híbridos plug-in irão receber uma atualização;
  • as versões híbridas mild hybrid (não plug-in) serão introduzidas, sob o novo emblema “B”;
  • e as opções plug-ins irão passar a estar disponíveis em todos os modelos que produz.

Assim, o construtor sueco atualizou os seus motores híbridos plug-in T8 e T6 Twin Engine nos modelos baseados na plataforma SPA da marca, os maiores do fabricante (família 60 e 90).

O híbrido plug-in T8 Twin Engine atualizado com até 420 cv de potência passa a apresentar uma bateria nova e um aumento em 15% da autonomia em modo elétrico, devido a uma mais avançada tecnologia de travagem regenerativa.

Uma igualmente versão atualizada do híbrido plug-in T6 Twin Engine (disponível no V60 e S60) também passa a ser combinada com uma nova bateria e uma mais eficiente regeneração cinética que possibilita uma melhoria da autonomia elétrica na ordem dos 15%.

Sigla “B” para os Mild Hybrid

Além disso, a Volvo Cars apresentará uma série de variantes mild hybrid nos próximos meses, começando com versões Diesel e gasolina nos modelos XC90 e XC60.

Estas unidades com recuperação de energia da travagem serão comercializadas sob a sigla “B”, permitindo ganhos de até 15% no combustível.

O XC90 estará disponível com uma variante B5 (mild hybrid a gasolina ou Diesel), bem como um mild hybrid B6 (a gasolina).

No XC60, os clientes poderão escolher entre um mild hybrid a gasolina ou Diesel B5; um mild hybrid Diesel B4; e mild hybrid a gasolina B6.

XC40 recebe T5 Twin Engine
e T4 Twin Engine

A opção a gasolina B5 estará disponível com tração dianteira ou tração às quatro rodas.

Por seu lado, o SUV XC40, de menor porte (assente na plataforma CMA) também receberá uma nova opção eletrificada, na forma de um híbrido plug-in a gasolina T5 Twin Engine. Uma segunda opção híbrida de plug-in T4 Twin Engine virá mais à frente.

Todo este investimento leva a Volvo a atualizar a sua capacidade de produção para que até 25% da sua produção total possa ser de veículos híbridos plug-in Twin Engine.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of