Canadá vai ter ferries elétricos: levam até 399 passageiros e 75 veículos

Depois da Noruega, o Canadá será a próxima nação a encomendar a compra de ferry boats elétricos. Para já, serão duas as embarcações a chegar em 2020 e 2021.

0
222
ferries elétricos
Este ferrie será alocado à ilha de Wolfe

A empresa de motores Schottel assinou um contrato com a construtor naval Damen Shipyards para a aquisição daqueles que serão os primeiros ferries elétricos a operar no Canadá.

São duas as embarcações de propulsão elétrica previstas, as quais irão fazer os seus serviços de transporte nas ilhas de Amherst e Wolfe, ambas na zona do lago Ontário.
A primeira encomenda chega em 2020 (para a ilha Amherst) e a segunda fica disponível em 2021 (para a ilha Wolfe).

98 metros de comprimento

O ferry que irá trabalhar ao largo da ilha de Amherst tem um comprimento de 68 metros e uma largura de 25 metros, podendo transportar até 300 pessoas e 42 automóveis.

A embarcação que será colocada em atividade na zona da ilha de Wolfe mede 98 metros de comprimento e 25 metros de largura, levando até 399 passageiros e 75 veículos.

Ambos os ferries serão propulsionados maioritariamente em modo elétrico, ainda que disponham, como backup para alguma situação imprevista e de emergência, de um motor Diesel.

Cada ferry tem quatro motores cada um dos quais com 550 kW.

As duas embarcações de dois andares serão operadas pela MTO, o serviço de ferries do Ministério dos Transportes de Ontário.

Redução significativa de CO2

Com a entrada ao serviço destes dois navios, estima-se que haja uma redução de emissões equivalente a sete milhões de quilos de CO2 por ano.

Esta transição energética nos ferries está já a ser trilhada pela Noruega, país onde se prevê que em 2020 possam existir 60 ferries que sejam híbridos ou elétricos.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of