Ford Focus Electric

Roelant de Waard, vice-presidente de marketing, vendas e assistência da Ford Europa, refere que “a Ford está a investir cerca de 11 mil milhões de dólares (cerca de 9,6 mil milhões de euros) e tem planos para disponibilizar 16 veículos 100% eléctricos num portefólio global de 40 veículos electrificados até 2022”.

De Waard declara, por isso, que “as propulsões elétricas vão continuar a ter um papel crucial na nossa gama para o mercado europeu”.

Estas afirmações foram produzidas no contexto do anúncio do lançamento da nova gama Mondeo Hybrid, prevista para 2019.

Com efeito, a partir do próximo ano, a marca norte-americana irá reforçar a gama Mondeo, com o lançamento de uma versão híbrida (gasolina-elétrico) também na carrinha.

Isto significa que, além da berlina de quatro portas Mondeo, a Mondeo Station Wagon passa a estar disponível como Hybrid, o que acontece pela primeira vez.

A marca afirma que divulgará todas as especificações e preços da nova gama Mondeo Hybrid mais perto da data de início de comercialização do modelo.

O Ford Mondeo Hybrid de quatro portas garante consumos desde 4,4 l/100 km e emissões de CO2 desde 101 g/km.

O grupo propulsor do Mondeo Hybrid utiliza um motor elétrico associado a um motor de 2,0 litros a gasolina, especificamente desenvolvido para esta versão e que funciona segundo o ciclo Atkinson. A função do motor elétrico é a de ajudar o motor a gasolina na propulsão das rodas motrizes.

O sistema conta também com um gerador que permite a carga regenerativa da bateria reciclável de iões de lítio, com 1.4 kWh de capacidade e refrigeração a ar, alojada atrás dos bancos traseiros.

90% da energia da travagem aproveitada

A tecnologia de travagem regenerativa capta até 90 por cento da energia normalmente desperdiçada durante as travagens, utilizando essa energia para recarregar a bateria.

A propulsão híbrida desenvolve 187 cv, associada a uma transmissão automática de variação contínua, desenvolvida pela Ford.

Roelant de Waard, vice-presidente de marketing, vendas e assistência da Ford Europa, explica que “para muitos clientes, a versatilidade e utilização prática oferecida pelo formato Station Wagon é uma prioridade absoluta. Assim, é com particular entusiasmo que, a partir do próximo ano, esses mesmos condutores poderão também reduzir os seus custos com combustível graças à propulsão elétrica-gasolina da nossa nova Mondeo Hybrid Station Wagon”.

Furgões elétricos com acordo com DHL

A aposta na eletrificação por parte da Ford abrange não apenas os veículos de transporte de passageiros, mas também os de mercadorias e, nesse capítulo, o construtor começou já a montar o Deutsche Post DHL StreetScooter Work XL, um furgão elétrico baseado num chassis da Ford Transit e construído de acordo com as especificações do StreetScooter.

A StreetScooter é uma subsidiária do grupo alemão Deutsche Post DHL. O projeto desta Transit elétrica está a ser desenvolvido desde 2014.

Estes furgões desta encomenda específica estão a ser produzidos em Colónia, Alemanha, a um ritmo de 16 por dia para uma produção anual estimada de 3500 exemplares.

As viaturas estão a ser já usadas em serviços de entregas urbanas na Alemanha.

Em comparação com os modelos Diesel, cada um destes furgões elétricos oferecerá uma redução nas emissões de CO2 de 5 toneladas por ano e uma economia de 1.900 litros de combustível.

Juntamente com a Ford, “estamos a promover a mobilidade eléctrica na Alemanha e a tornar as entregas nos centros das cidades mais amigas do ambiente e mais silenciosas”, afirma Achim Kampker. O CEO da StreetScooter acrescenta: “Temos agora o furgão eléctrico perfeito para entregas em áreas metropolitanas, algo que, no futuro, beneficiará também outras empresas de transporte”.

A Work XL é o modelo de maiores dimensões no portefólio da StreetScooter, com capacidade de carga de 20 m3, espaço para mais de 200 encomendas e capacidade para 1.275 kg.

Recentemente, no Salão de Veículos Comerciais de Hanôver (IAA 2018), na Alemanha, a Ford apresentou, em estreia, o novo  Transit Custom plug-in hybrid (PHEV), capaz de uma autonomia de 50 km em condução com emissões-zero.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of