O panorama e os desafios que envolvem os acidentes de trabalho é o tema central do primeiro Congresso Médico que o Grupo Fidelidade vai organizar, de 28 e 29 de junho no Centro de Congressos de Alfândega, no Porto.

A sessão de abertura deste Primeiro Congresso Médico da Fidelidade vai decorrer pelas 12h15, no dia 28 de junho, com a presença do Presidente da Câmara Municipal do Porto (Rui Moreira), do Bastonário da Ordem dos Médicos (Miguel Guimarães), do Bastonário da Ordem dos Advogados (Guilherme Figueiredo) e do Vice-Presidente da Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (Filipe Serrano).

“O tratamento, reintegração e reparação das pessoas traumatizadas, designadamente no âmbito do trabalho, coloca novas questões e desafios a todos quantos participam nestes processos e que o primeiro congresso médico da Fidelidade pretende refletir”, refere a organização.

Procurando participar ativamente neste debate, o Congresso Médico da Fidelidade reunirá especialistas de referência áreas da Saúde, Direito e Gestão, entre outras.

“Pretende-se uma reflexão conjunta sobre a avaliação do nexo de causalidade jurídico e médico, a distinção entre acidente de trabalho e doença profissional, o diagnóstico correto das doenças e um tratamento de excelência, a reabilitação e reintegração com recurso às mais modernas tecnologias, bem como a avaliação do dano pessoal considerando as normas oficiais, a par da humanização dos serviços oferecidos e do respeito pela legislação portuguesa na matéria”, afiema a Fidelidade.

O encontro, que assenta na inovação e inclusão nos acidentes de trabalho, vai também aprofundar a cooperação entre os diversos profissionais e instituições, muito especialmente entre as seguradoras, os hospitais e a medicina do trabalho, tendo em vista encontrar soluções que melhor respondam às necessidades das pessoas acidentadas, a par com as novas e constantes soluções oferecidas pelo mundo digital, nomeadamente no tratamento e reintegração daquelas pessoas.

De resto, um dos painéis irá refletir sobre “a transformação digital na saúde das pessoas vítimas de acidente”.

Mais informações aqui.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of