Model E é a bicicleta elétrica mais leve do mundo e recarrega a sua bateria sem precisar de ligar a qualquer fonte de energia externa.

Foi em 2010 que o americano Paul Budnitz criou a empresa com o seu nome, em  Burlington, no estado do Vermont. Apesar de ser a maior cidade deste estado, Burlington tem menos de 50 000 habitantes, tornando-a o local certo para uma actividade de manufactura com extrema atenção ao detalhe.

Depois de produzir algumas excelentes bicicletas de uso quotidiano, empregando os mais nobres materiais como o titânio e as tecnologias mais evoluídas, como as correias em fibra de carbono em substituição das correntes, a Budnitz concentrou-se nas eBikes.

O resultado é a Model E — que existe também na versão feminina, com a designação Bella. Trata-se da mais leve bicicleta elétrica do mundo, com um design superlativo e uma tecnologia ímpar, recorrendo aos melhores componentes disponíveis.

O quadro em titânio oferece a leveza do alumínio e a durabilidade do aço e a sua geometria está pensada ao milímetro para minimizar a perda de energia de cada pedalada, ao mesmo tempo que absorve as irregularidades do piso.

O motor elétrico da Zehus com o sistema Bike+ tem 250W e uma bateria L-io 30 V e 160 Wh, com todos os componentes integrados num elegante cubo da roda traseira.

A assistência é dada até uma velocidade de 24 km/h e tem uma autonomia de entre 32 e 160 km, dependendo da utilização do terreno.

A bateria carrega nas descidas e contra-pedalando.

Este sistema inovador da Zehus não precisa de lubrificação e praticamente dispensa qualquer tipo de manutenção.

A Budnitz Model E está, por enquanto, apenas à venda nos Estados Unidos, por um valor que começa nos 3950 dólares (cerca de 3230 euros), mas toda a produção inicial já está vendida.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of